BOLINHA DE GUDE BEM INTENCIONADA

Parabéns, hoje você encontrou uma bolinha de gude bem intencionada!!!

Parabéns!!! Você atraiu uma Bolinha de Gude Bem Intencionada. Ao embalar cada bolinha é criada a boa intenção, para quem a receber, de pensamentos felizes e prósperos. O convite é para que você possa continuar reprogramando sua bolinha de gude com seus pensamentos de esperança, foco e felicidade. A proposta dessa ação e desse blog é disseminar uma corrente de felicidade pelas cidades. Para isso é proposto, que toda vez que tocar na bolinha, você tenha pensamentos de gratidão, doação e intenção (veja mais informações nos textos laterais e postagens).
Nenhuma ação mística ou espiritual é atribuída a bolinha de gude a não ser o uso da mesma para condicionar boas práticas de pensamentos positivos e intencionalidades. Boa sorte!!!

Eric Boragan Gugliano

quinta-feira, 8 de setembro de 2016

HAPPY


            De acordo com pesquisas, o estado de felicidade depende de três fatores: O maior fator , correspondente a 50% do nível de felicidade, seria a herança genética.  Recebemos uma carga genética  que influenciaria o nível de neurotransmissores responsáveis pela felicidade, principalmente a dopamina. Nascemos com um nível de felicidade que será mantido no decorrer da vida. O segundo fator e , menor fator  correspondente apenas a 10% do nível de satisfação e felicidade, seria o  financeiro, status social e saúde. É de se espantar que a condição financeira corresponde a pequena porcentagem do estado de felicidade, mas é o que as pesquisas demonstraram ao se avaliar o grau de felicidade das pessoas com o aumento da condição financeira. È claro, que quando se avalia a condição de quem não tem condições mínimas de sobrevivência, o nível de felicidade pode dobrar se a pessoa consegue mudar . Porém existe um limiar financeiro que não se acrescenta mais felicidade quando dobra. Isso significa que a aquisição financeira não é correspondente ao aumento de felicidade.  Porém o grau de felicidade pode ajudar a conquistar melhores condições financeiras e sociais pois as   pessoas vão gostar mais de quem é feliz no trabalho. O  terceiro nível , bem significativo e que vem após a condição genética, é o nível denominado de comportamento intencional que corresponderia a 40% do nível de felicidade. É  o que fazemos intencionalmente e que nos trás a felicidade. O Psicólogo Mihaly Csikszentmihalyi usa a denominação de “flow” ou fluxo que são comportamentos que adotamos e nos mantem felizes sem mesmo ter o retorno financeiro ou  status social. Pode ser praticar esporte, dançar, tocar um instrumento... Quando fazemos essas atividades estamos dentro desse fluxo e sinergia com a consciência nos trazendo prazeres felizes. Isso possui maior representatividade pois é constante, diferente de quando compramos um carro novo, ganhamos um prêmio, dinheiro, troféu cuja energia é passageira e não mantêm pra sempre esse fluxo da felicidade. Nesse momento as pessoas sentem-se no controle e esquecem dos seus problemas. Vamos construindo um pensamento de que vale a pena viver a vida. Esse fluxo pode acontecer em qualquer lugar e situação mantendo o mesmo nível de felicidade entre duas pessoas bem diferentes como  uma que mora em uma cidade rica e que possui bens financeiros, comparando-se a outra que vive em um cidade pobre e  com poucos recursos financeiros.As pessoas que sentem esse fluxo são mais felizes  com maior regularidade do que as pessoas que não sentem. Os cientistas determinam que a felicidade pode ser treinada também. A fórmula da felicidade não é a mesma para todo mundo , mas o que gostamos de fazer é o componente principal para um vida mais feliz: brincar, experimentar coisas novas,  nossos amigos e família, fazer coisas com significado social, ser grato e apreciar aquilo que temos, essas são as coisas que correspondem aos 40% do nível de felicidade e que são gratuitas.  Quanto mais felicidade nós temos mais as pessoas em nossa volta também serão beneficiadas.

Recomendo assistir ao documentário Happy. Abaixo o link do youtube com algumas seleções de cenas. O documentário completo pode ser assistido diretamente no Netflix.


Nenhum comentário:

Postar um comentário